UMUARAMA/PR

Polícia Civil deflagra operação e prende envolvidos em homicídio

Polícia Civil deflagra operação e prende envolvidos em homicídio

Ao todo foram cumpridos sete mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão temporária.

A Polícia Civil de Umuarama deflagrou na manhã desta quinta-feira (10) a Operação Poinê, desencadeada para apurar crime de homicídio qualificado praticado no dia 03 de setembro no Parque Jabuticabeiras, em Umuarama, contra a vítima Valdinei Pereira do Nascimento, vulgo Piratinha.

Ao todo foram cumpridos sete mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão temporária. As buscas resultaram na localização da arma de fogo utilizada no crime de homicídio e diversos aparelhos celulares, além da apreensão de drogas e valores relacionados ao tráfico de drogas. Três pessoas serão autuadas em flagrante, uma por posse irregular de arma de fogo e outras duas por tráfico de drogas e associação ao tráfico de drogas.

CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

As investigações desenvolvidas pelo Grupo de Diligências Especiais (GDE) de Umuarama revelaram que o crime de homicídio foi praticado por três indivíduos, identificados como P.N.B, A.L.B e F.J.N. Segundo o apurado, a vítima estava foragida do sistema penitenciário e escondida no Bairro Parque Jabuticabeiras na casa de seu irmão.

O Caso

Ocorre que a vítima possuía um desentendimento com os autores, também moradores do mesmo bairro. Então, no dia 03, vítima e suspeitos se encontraram e fizeram o acerto de contas que culminou com a morte de Valdinei.

Conforme apurado no curso das investigações, os autores do crime perseguiram a vítima em um veículo Parati de cor branca, conduzido pelo suspeito P.N.B. Ao alcançar a vítima, o suspeito F.J.N saiu do veículo e efetuou os disparos que acertaram Valdinei, enquanto os suspeitos P.N.B e A.L.B permaneceram no veículo dando apoio. Após a morte, todos empreenderam fuga no carro.

A partir de agora as investigações prosseguem para levantamento dos aparelhos celulares apreendidos e busca de novas informações sobre o homicídio e tráfico de drogas, bem como para interrogatório do suspeito preso e localização daquele que se encontra foragido.

Quanto ao nome da operação, na mitologia grega POINÊ personificava a vingança, a punição e a penalidade lançada aos homens culpados pelos homicídios.

Parceria

A Operação Poinê contou com o apoio do Grupamento de Operações Aéreas (GOA) da Polícia Civil do Estado do Paraná e a participação de 30 (trinta) policiais civis da 7ª Subdivisão Policial e das Delegacias de Polícia da área.

Comente

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.

Veja também

Festa com som alto durante madrugada termina com três presos

Na madrugada desta segunda-feira (19) por volta das 02h30 a equipe PM se...

Após ser agredido homem tem celular roubado próximo a rodoviária

Por volta das 22h10 foi realizado o atendimento de ocorrência de roubo na...

Motociclista embriagado provoca acidente em Umuarama

Na noite deste domingo (18) equipes do 25º Batalhão deram atendimento a ocorrência...

Motociclista morre em colisão com carreta na PR-323 em Umuarama

Antônio Rufino dos Santos e 53 anos, morreu em um grave acidente na...

Mais notícias

UEM abre inscrições para o vestibular EAD nesta quarta-feira

A UEM abre, nesta quarta-feira (21) o prazo de inscrição para o Vestibular EAD 2020 com a...

Pai de médica desaparecida em Erechim nega pedido de resgate

O prefeito de Laranjeiras do Sul, Berto Silva, divulgou uma nota à imprensa a respeito do desaparecimento de...

Bolivianos são flagrados na fronteira de MS com R$ 1,5 milhão

Nesta segunda-feira (19) a Receita Federal apreendeu R$1,5 milhão na fronteira entre Brasil e Bolívia, em Corumbá,...

Nova iluminação representa mais segurança para Alto Piquiri

A substituição de sistemas convencionais de iluminação por luminárias de LED é uma das melhorias urbanas que...